loucura

Trouxeram depois para o litoral, onde deliravam multidões em festa, aquele crânio [de Antônio Conselheiro]. Que a ciência dissesse a última palavra. Ali estavam, no relevo de circunvoluções expressivas, as linhas essenciais do crime e da loucura…

Duas linhas
É que ainda não existe um Maudsley para as loucuras e os crimes das nacionalidades…

— Euclides da Cunha, Os Sertões, A Luta, Últimos Dias, VI e VII