Os Sertões

Antonio Candido no seminário acadêmico, falando sobre Sérgio Buarque de Holanda. Foto: Francisco Emolo/Jornal da USP

[“Os Sertões”, de Euclides da Cunha] – livro que se impôs desde a publicação e revelou ao homem das cidades um Brasil desconhecido, que Euclides tornou presente à consciência do leitor graças à ênfase do seu estilo e à imaginação ardente com que acentuou os traços da realidade, lendo-a, por assim dizer, na craveira da tragédia…

Antonio Candido, revista Teoria e Debate, 30 set. 2000

livreiro

Briguiet-Garnier

…e a alegria de um livreiro [Briguet], nesta terra, diante de um livro de alto preço — vale dez artigos de crítica encomiástica.

Euclides da Cunha em carta a Oliveira Lima, 25 de julho de 1909, referindo-se ao livro recém-lançado d. João VI no Brasil, do embaixador, confrade e amigo Oliveira Lima.